quinta-feira, fevereiro 02, 2006

VEREADOR PARTICIPOU NA REUNIÃO DA JUNTA E COMEÇOU A DIALOGAR COM O SOS

O vereador da Cultura da Câmara Munipal de Lisboa José Amaral Lopes esclareceu esta noite que a autarquia “sugeriu ao proprietário do cinema Europa que apresente um novo projecto que inclua um espaço para actividades culturais”, no edifício de apartamentos que ali pretende construir. Durante uma reunião pública do executivo da Junta de Freguesia de Santo Condestável, onde surgiu de supresa, Amaral Lopes explicou que “já houve uma troca de correspondência com os promotores do empreendimento” e que “a zona que a câmara pretende que seja para usufruto público corresponde ao rés-do-chão e cave” do futuro prédio.
O vereador da CML confirmou ainda que recentemente visitou o local, acompanhado de técnicos camarários. José Amaral Lopes garantiu que, de acordo com uma primeira avaliação desses técnicos, o miolo do edifício “teria que ser totalmente demolido e reconstruído” para permitir a concretização de um projecto com as características daquele que foi apresentado pelo movimento SOS Cinema Europa. “Só se salvaria a fachada” garantiu o político, acrescentando que “o que está em causa é o cumprimento da legislação, nomeadamente no que diz respeito às questões de segurança”. O vereador fez questão de sublinhar que o Europa “não tem a relevância arquitectónica, por exemplo de um Éden ou mesmo de um São Jorge”.
José Amaral Lopes agendou para a próxima semana, uma reunião com elementos do SOS Cinema Europa e garantiu que o presidente da CML, Carmona Rodrigues, “continua entusiasmado com o projecto”. Os elementos do SOS vão reunir nos próximos dias, para avaliar os novos dados e preparar esse encontro com o responsável camarário.

Junte-se ao movimento e diga-nos o que pensa.

1 comentário:

David disse...

Sou morador em Campo de Ourique e lógicamente não estou de acordo com a demolição do cinema Europa, e deixo desde já o meu agrado pela solução de reconversão apresentada pelo SOS, faz falta um espaço desse tipo em campo de ourique. Venho só deixar uma ideia, que provavelmente já vos terá ocorrido, talvez fosse interessante fazer um abaixo-assinado, que pode ser criado por exemplo através de um dos vários sites na internet direccionados para esse tipo de acções.

Obrigado
e Bem hajam

David - 30 anos de idade