segunda-feira, fevereiro 14, 2005

JUNTE-SE AO PROTESTO

SOS CINEMA EUROPA!
deixe aqui a sua mensagem de protesto contra a morte do cinema europa.

6 comentários:

Pedro Rino Vieira disse...

Eu moro em Campo de Ourique e não há vez nenhuma que passe ao Cinema Europa que não lamente a sua decadência. O nosso bairro é muito agradável e só tinha a beneficiar com uma sala de teatro e cinema naquele espaço. O mesmo se pode aplicar ao Cinema Paris (acho que é este o nome correcto). No entanto, parece inconsequente lutar por uma coisa que já morreu há muito sem apresentar alternativas económias viáveis.

cristina correia disse...

Também eu moro em Campo de Ourique, capital de Lisboa, como diz um ilustre do bairro. É lamentável k Campo de Ourique não tenha uma sala de cinema, teatro, ou qualquer animação cultural, com duas salas abandonadas, o saudoso Paris e agora o Europa.
O problema reside sempre na falta de meios e dinheiro para se fazer alguma coisa nesta terra. Para além da falta de dinheiro, há falta de vontade, as pessoas acomodam-se e nada fazem. O que podemos nós fazer para alterar isso? Falar com a Câmara de Lisboa, fazer um abaixo assinado, como se fez para a Casa Garrett, que tb está em vias de ser demolida?? Os monopólios do betão falam mais alto. O k vão fazer no lugar do Europa? Mais prédios. Vi os cartazes espalhados no bairro.E agora o que pudemos fazer mais?

cristina correia disse...

Também eu moro em Campo de Ourique, capital de Lisboa, como diz um ilustre do bairro. É lamentável k Campo de Ourique não tenha uma sala de cinema, teatro, ou qualquer animação cultural, com duas salas abandonadas, o saudoso Paris e agora o Europa.
O problema reside sempre na falta de meios e dinheiro para se fazer alguma coisa nesta terra. Para além da falta de dinheiro, há falta de vontade, as pessoas acomodam-se e nada fazem. O que podemos nós fazer para alterar isso? Falar com a Câmara de Lisboa, fazer um abaixo assinado, como se fez para a Casa Garrett, que tb está em vias de ser demolida?? Os monopólios do betão falam mais alto. O k vão fazer no lugar do Europa? Mais prédios. Vi os cartazes espalhados no bairro.E agora o que pudemos fazer mais?

Cristina Ferreira disse...

Mais do que chamar a atenção para a questão da falta de infra-estruturas culturais e artisticas do nosso bairro, que contra todas as tendências continua a ser um dos mais populosos de Lisboa, eu gostaria de alertar para o imenso valor arquitectonico que um edificio como o nosso Cinema Europa possui.
Ele é um dos simbolos resistentes de uma arquitectura para uso não habitacional que ainda persiste. A sua destruição não pode deixar de ser considerada como uma rude machadada no património cultural e arquitectónico lisboeta.
Mas mais do que isso, é um duro golpe na identidade de todos nós que vivemos e amamos Campo de Ourique como o nosso bairro. O Cinema Europa faz parte da identidade de Campo de Ourique. A sua perda só vai contribuir para a destruição do espírito colectivo de bairro que nos anima e nos faz, apesar de tudo, querer viver em Lisboa.

alias420 disse...

Torna-se óbvio, claro como a água, que:

1- O Cinema Europa tem reduzido valor patrimonial;
2- O seu uso cultural é nulo desde há, pelo menos, 10 anos;
3- É propriedade privada;
4- A CML não tem dinheiro para o expropriar;
5- Não surgiram privados interessados em investir num projecto cultural para esse espaço.

Assim sendo, só podemos lamentar a sua demolição.

ruby disse...

o que vao fazer as lojas existentes no edificio?

as fechadas e as que estao em funcionamento?
por favor respondam